Omar Khayyam, a poesia e a matemática

Aos céus enviei minha almaEm busca do segredo eterno…Na volta, me diz, já bem calma:‘Eu mesma sou Céu e Inferno’ Do Rubaiyat Omar Khayyam nasceu em maio de 1048 na rica e próspera Nixapur, no nordeste do Irã, tendo ali vivido e morrido, em dezembro de 1131, após uma vida de grandes realizações. Khayyam é… Continuar lendo Omar Khayyam, a poesia e a matemática