TikZ

Este é um curso breve (e em construção) sobre a linguagem TikZ.

Com exceção da seção a seguir, adotaremos uma abordagem minimalista e silenciosa para as restantes, restringindo ao máximo as explicações.

Preparando o ambiente

Para criarmos ilustrações com a linguagem TikZ, precisamos instalar primeiro alguma distribuição LaTeX.

Instalando o LaTeX

As duas distribuições LaTeX mais comuns e aconselhadas são:

  1. MiKTeX, que roda no Windows, ou
  2. TeX Live, que roda tanto no Windows quanto no Linux.

A instalação de uma ou de outra é simples:

  • No Windows, basta acessar o site miktex.org, fazer o download do programa e instalá-lo como de praxe.
  • No Linux, você deve instalar a TeX Live, encontrada nos repositórios de software de sua distribuição. Caso esteja usando a Ubuntu ou derivadas, digite no terminal de comandos:
sudo apt-get install texlive texlive-pictures texlive-latex-extra

Instalação feita, vamos ao nosso primeiro programa.

Editando programas TikZ

No editor de texto de sua preferência, crie a estrutura de um programa LaTeX especificando a classe do documento como standalone:

\documentclass{standalone} 

\begin{document}

\end{document}

A região compreendida entre \documentclass{standalone} e \begin{document} é chamada de preâmbulo. Em nosso preâmbulo, acrescente as três linhas seguintes, que permitem o uso de texto em português, com acentos e divisão silábica:

\documentclass{standalone} 
\usepackage[brazil]{babel}
\usepackage[utf8]{inputenc}
\usepackage[T1]{fontenc}
\begin{document}

\end{document}

Acrescente logo depois o pacote TikZ com o comando \usepackage{tikz}:

\documentclass{standalone} 
\usepackage[brazil]{babel}
\usepackage[utf8]{inputenc}
\usepackage[T1]{fontenc}
\usepackage{tikz}
\begin{document}

\end{document}

As figuras em TikZ são criadas no corpo do documento, dentro de um bloco que começa com \begin{tikzpicture} e termina com \end{tikzpicture}:

\documentclass{standalone} 
\usepackage[brazil]{babel}
\usepackage[utf8]{inputenc}
\usepackage[T1]{fontenc}
\usepackage{tikz}
\begin{document}
\begin{tikzpicture}

\end{tikzpicture}
\end{document}

Essa é a estrutura de um programa típico em TikZ.

Vamos criar um simples quadrado como exemplo. Copie o programa abaixo em seu editor de texto e salve-o com o nome quadrado.tex:

\documentclass{standalone} 
\usepackage[brazil]{babel}
\usepackage[utf8]{inputenc}
\usepackage[T1]{fontenc}
\usepackage{tikz}
\begin{document}
\begin{tikzpicture}
\draw (0,0)--(5,0)--(5,5)--(0,5)--(0,0);
\end{tikzpicture}
\end{document}

Compilando programas TikZ

Tanto no Windows quanto no Linux, você precisará usar o terminal de comandos. No Windows, abra o cmd; no Linux, abra o terminal. Navegue até o mesmo diretório onde você gravou o arquivo quadrado.tex e compile-o com o comando:

pdflatex quadrado.tex 

No mesmo diretório, você verá que o LaTeX gerou um arquivo com o nome quadrado.pdf.

Malha (1)

\begin{tikzpicture} 

\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}   
\draw
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw grid
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw (0,0) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 1: Malha
\begin{tikzpicture}
\draw [] (0,0) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw [help lines] (0,0) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 2: Malha suavizada

Malha (2)

\begin{tikzpicture}
\draw [help lines] (0,0) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw [help lines] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig: 3: Malha ao redor da origem
\begin{tikzpicture}
\draw [help lines, step=0.5] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 4: Malha com salto de 0.5
\begin{tikzpicture}
\draw [help lines, step=2] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 5: Malha com salto de 2

Malha (3)

\begin{tikzpicture}
\draw [help lines] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw [] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw [gray] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
\begin{tikzpicture}
\draw [gray!10] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 6: Malha com cinza em 10%
\begin{tikzpicture}
\draw [gray!90] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 7: Malha com cinza em 90%
\begin{tikzpicture}
\draw [gray!30] (-5,-5) grid (5,5);
\end{tikzpicture}
Fig. 8: Malha com cinza em 30%